CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DO PÃO DE FORMA ENRIQUECIDO COM FARINHA DE CASTANHA DE CAJU (Anacardium occidentale L.)

Autores

  • Filomena Minetto Brondani Faculdade de Educação e Meio Ambiente

DOI:

https://doi.org/10.31072/rcf.v4i2.191

Palavras-chave:

Pão, Farinha de Castanha de Caju, Caracterização físico-química

Resumo

No Brasil o pão está inserido em vários cardápios, o qual pode ser enriquecido com outros produtos para oferecer nutrientes e componentes especiais. Este trabalho teve como meta verificar alterações provocadas no pão de forma a partir da introdução de Farinha de Castanha de caju (FCC), e caracterizar as propriedades físico-químicas do mesmo. Foram preparados pães com e sem introdução de FCC e realizou-se análises físico-químicas para determinação de pH, umidade, resíduo mineral fixo (cinza), lipídeos e proteínas. Os resultados sem e com introdução da FCC foram: pH, 5,14 e 5,04%; umidade, 28,05 e 26,65%; cinzas, 0,96 e 1,34%; lipídeos, 2,51 e 9,73%; proteína, 5,32 e 9,96%; carboidratos, 63,16 e 52,32%.O alto teor de proteínas e a quantidade significativa de carboidratos apontam que o pão de FCC deve ser consumido com moderação por aqueles que desejam perder peso corporal. No entanto, o consumo do pão de FCC pode ser de grande valia se for aliado a uma alimentação balanceada e a pratica de exercícios físicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-07-14

Como Citar

Brondani, F. M. (2015). CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DO PÃO DE FORMA ENRIQUECIDO COM FARINHA DE CASTANHA DE CAJU (Anacardium occidentale L.). Revista Científica Da Faculdade De Educação E Meio Ambiente, 4(2), 49–64. https://doi.org/10.31072/rcf.v4i2.191

Edição

Seção

Artigos (Ciências Exatas)