SONO, ESTADO NUTRICIONAL E HABITOS DE VIDA DE CAMINHONEIROS QUE TRAFEGAM PELA BR 364

Autores

  • Francieli Carniel Universidade Luterana do Brasil
  • Cristina Krause Centro Universitário Luterano de Ji- Paraná

DOI:

https://doi.org/10.31072/rcf.v5i2.218

Palavras-chave:

Caminhoneiros, Enfermagem, Saúde do Trabalhador, Doenças Crônicas

Resumo

O estudo teve como objetivo avaliar o período de sono, o estado nutricional e os hábitos de vida dos caminhoneiros que transitam na BR 364. Estudo descritivo, exploratório, transversal e de abordagem quantitativa, com 32 participantes e amostra do tipo não probabilística. A média de idade encontrada foi de 39,78 anos e o grau de escolaridade apenas 71,87% cursaram até o ensino fundamental. Dos 32 entrevistados, 50% apareceram abaixo dos valores normais para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Em relação aos hábitos alimentares observou-se que 81,25% consomem alimentos in natura, 43,75% preferem o alimento cozido, os que não acrescentam sal foram 81,25%. Os motoristas que não comem doces 53,12%. Aqueles que fazem suas refeições com regularidade foram 37,50%. 56,25% não fazem exercícios quando não estão trabalhando. Entre os entrevistados 46,87% motoristas viajam de 0 a 10 dias, dormem de 6h a 8h 46,87% e aqueles que não têm insônia foram 93,75%. 87,50% dos caminhoneiros jamais usaram medicamentos para inibir o sono. Quanto as DCNT’s 9,37% referiram ser hipertensos (HAS) e apenas 3,12% desenvolveu Diabetes Mellitos (DM). Houve uma grande predisposição a obesidade com 75% acima do peso. Observa-se que a média de idade encontrada é de pessoas jovens e a grande maioria não desenvolveu problemas como HAS e DM. O estado nutricional é significativo, grande parte dos caminhoneiros encontra-se obeso e pré-obeso, pois tem o hábito de se alimentar fora do horário. O padrão de sono é ideal, o que não se compara com os artigos pesquisados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-12-16

Como Citar

Carniel, F., & Krause, C. (2014). SONO, ESTADO NUTRICIONAL E HABITOS DE VIDA DE CAMINHONEIROS QUE TRAFEGAM PELA BR 364. Revista Científica Da Faculdade De Educação E Meio Ambiente, 5(2), 125–138. https://doi.org/10.31072/rcf.v5i2.218

Edição

Seção

Artigos (Ciências da Saúde)